quinta-feira, 21 de maio de 2015

Art Journaling

Olá!
Hoje venho falar-vos de Art Journaling.

Art Journaling refere-se ao hábito de regularmente colocarmos em palavras e imagens as nossas vivências, emoções, ideias, etc.
Para que serve? Ora, essa é muito fácil. Deixem-me dar-vos um exemplo, hoje acordaram, abriram a janela, e o sol brilhava. Foram tomar um duche, vestir uma roupa fresca (a vossa preferida), pentear o cabelo (que hoje virou para onde devia), colocam um perfume. Sentem-se no topo do mundo! Tudo vai correr bem! 

Enquanto se dirigem para calçar os sapatos batem com toda a força com o dedo mindinho do pé numa mesinha que saída ninguém sabe de onde se vos mete à frente!!!! Ouch! Todo o dia muda!

Ok: o que fazer para ventilarem estas desgraças? Para colocarem toda a vontade de gritar da dor do embate cá fora (mas sem que apareça a polícia)? Para ultrapassarem todo o vosso ultraje de tamanha injustiça (mas sem parecer estar a fazer uma tempestade num copo de água)?

  - Opção A - Facebook
  - Opção B - Art Journal

Pronto, e aqui encerro a minha exposição! É claro que eu escolho o Art Journal! 

Até parece que já estou a ver a página... Uma janela com um céu azul lindo lá fora Uma mesa tosca no canto esquerdo. Um carimbo que me represente a mim, bela e preciosa (uhhh... moving on...). E no pé um mega dedão vermelhão. O texto para ilustrar a página? "Mais vale um dedão vermelho do que um dia de chuva".

É claro que há muito mais para dizer e para contar, e sem dúvida os vossos dias terão aventuras muito melhores (ou se forem adeptos da desgraça... melhores desgraças do que as minhas).

Mas então, o que vos posso ensinar no "Tinta nas Mãos!" ? Técnicas que vos permitem pegar naquela página em branco, respirar fundo, agarrar nas tintas (e carimbos, imagens, stencils, canetas, colas, pastas e tudo o que mais estiver na mesa) e colocar cá para fora tudo o que estiveram a guardar bem lá no fundo.

Bom... vai ser uma espécie de exorcismo mas sem a dor nem o diabo! :)

Até lá, vejam o álbum de fotos do facebook com alguns exemplos ;)

Até breve!
Claudia

PS - Ah... e perguntas! Façam perguntas!!!

5 comentários:

  1. As tintas que utilizam para este tipo de trabalhos secam rápido ou têm que deixar a folha a secar?
    Que tipo de papel usam? Terá que ser algum especial, mais grosso, para não enrugar com a humidade das tintas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oops... este comentário ficou sem resposta... tsss tss tsss... desculpa! Mais importantes do que as tintas que usas, é importante o tipo de papel. Deve ser um papel resistente para que não se desfaça com as técnicas que envolvem mais humidade, exactamente como dizes. Quanto às tintas, como estamos a falar de journaling, ou seja, estamos a falar de escrever, convém que sejam macias e que permitam facilmente escrever em cima.

      As minhas tintas favoritas para art journaling são toda a gama Dylusions (sprays e paints) e toda a gama Distress (almofada, stain, spray, marcador, paint). Também gosto de usar todo o tipo de marcadores, tintas acrilicas, gesso (como base), etc.

      O unico limite é o da nossa imaginação ;)

      Excluir
  2. Bom artigo. Obrigado.
    [url=http://www.chinareflective.com]reflective fabric[/url]

    ResponderExcluir